Argentino, Artes plásticas, Ator, Cineasta, Crítico de arte, Curtas, diretor, Enter the void, Escritor, Festival de Cannes, filmes, Filmografia, Gaspar Noé, Irreversível, Love

Gaspar Noé | Cineasta argentino | Curadoria

Gaspar Noé o cineasta que gera uma polémica em torno de todo o seu trabalho, por ser tão ousado e agressivo. Gaspar Noé tem uma perspetiva muito própria sobre “sexo, violência e vingança” e consegue expô-la através das curtas e longas metragens.

 

Neste departamento vão ser expostos vários artistas e as suas obras focando as diversas áreas de arte de modo a inspirar a comunidade a realizar novas intervenções sociais.

Sobre Gaspar Noé:

Gaspar Noé é um roteirista, cineasta, ator, crítico de arte e artista plástico argentino oriundo de Buenos Aires. Estudou cinema na escola Louis Lumiere, mais tarde entrou para a Faculdade de Filosofia em Tolbiac. Posteriormente, tornou-se diretor assistente de Fernando Solanas, no filme “El exilio de Gardel (Tangos)”.

Os seus filmes abordam temas como o sexo, vingança, drogas e violência. Sendo que o seu trabalho retrata muitos destes temas tornam-se benevolentes a polémicas.

São filmes que transmitem muita emoção para o espectador, pois acaba por revelar uma diferente perspectiva sobre a visão destes atos. É uma visão em que revela essencialmente o seu fascínio pela sexualidade, gravando cenas longas para termos uma maior perceção do tempo.

O seu primeiro trabalho reconhecido foi a curta ‘Carne’. Dando seguimento com uma outra obra prima, ‘Irreversible’ que foi apresentado no Festival de Cannes impressionando o público.

Uma das principais características deste cineasta são os seus famosos diálogos entre os personagens, que acabam por expor as ações desumanas.

 

Novo trabalho:

Atualmente sabemos da existência de um futuro filme em que Gaspar Noé anda a trabalhar.

‘Psyché’ retrata a vida nos anos 90 de um grupo de dançarinos que fazem os seus ensaios numa floresta. Antes da performance final decidem fazer uma festa, como se fosse um ritual e é aí que se desenrola a história, onde alguns ficam no paraíso e outros entram no inferno.

 

Obras:

– ‘Carne’, 1991 // Curta

– ‘Irreversible’, 2002

– ‘Enter the Void’, 2009

– ‘Love’, 2015

 

Opinião:

O fascinante destes trabalhos é o uso constante dos filtros avermelhados, dos barulhos estridentes e das luzes estroboscópicas. Além disso, a maneira como conta as histórias usando analepses desperta uma maior curiosidade acabando por prender o espetador à história.

O facto de parecer que alguém pertencente à história é que filma todos os passos dos personagens, cria o efeito de proximidade para com o espectador.

My characters are never heroic. They are mostly lost and trying to find the right door to open and they end up opening the wrong doors.

// 'Enter the void' (2009), Gaspar Noé

// 'Irreversible' (2002), Gaspar Noé

// 'Love' (2015), Gaspar Noé

// 'Carne' (1991), Gaspar Noé

No Comments

Post a Comment